sexta-feira, 29 de outubro de 2010

O POVO é finalista do Prêmio Esso em duas categorias

A trilogia Inquisição – No Rastro dos Amaldiçoados é finalista em duas categorias da 55ª edição do Prêmio Esso de Jornalismo, a mais importante premiação da imprensa do Brasil. Este ano, os repórteres Luiz Henrique Campos, Ana Mary C. Cavalcante, Cláudio Ribeiro, Demitri Túlio e Fátima Sudário disputam o Regional Norte/Nordeste com outras duas reportagens do Diário de Pernambuco (PE). Enquanto o jornalista Gil Dicelli concorre em Criação Gráfica (Jornal) com o Estado de S. Paulo e Jornal do Commercio.

O POVO, único jornal do Ceará na disputa do Esso, enviou os repórteres Cláudio Ribeiro e Demitri Túlio ao arquivo da Torre do Tombo, em Lisboa, para iniciar a apuração sobre a história da Inquisição no território que hoje conhecemos por Nordeste. A partir de entrevistas e documentos levantados em Portugal, traçaram-se caminhos e se descobriu o rastro dos descendentes dos amaldiçoados pelo Santo Ofício a partir de 1497.

O mérito dos três cadernos especiais do O POVO foi revelar, de maneira inédita no jornalismo impresso do País, o cotidiano das comunidades judaicas anoussitas. Um povo, que ainda habita o “Brasil Subterrâneo”, segundo a historiadora Anita Novinsky (USP), mas que tem participação fundante na formação do homem brasileiro.

Na trilogia, O POVO revela que os anoussitas, descendentes dos judeus batizados à força em 1947, pela Coroa Portuguesa, iniciaram uma luta para serem reconhecidos pelo estado de Israel como cidadãos e filhos daqueles que foram perseguidos pela Inquisição Portuguesa e se refugiaram nas capitanias brasileiras.

De Lisboa, também veio a inspiração para a programação visual da trilogia. O projeto gráfico, criado pelo editor de Imagem do O POVO Gil Dicelli, é inspirado em azulejos portugueses dos séculos XVI ao XVIII e tem fotos de Igor de Melo, Deivyson Teixeira, Demitri Túlio e Cláudio Ribeiro.

A trilogia Inquisição – No Rastro dos Amaldiçoados foi uma das vencedoras, este ano, do Prêmio Vladimir Herzog de Anistia e Direitos Humanos, na categoria Jornal. Conquistou menção honrosa ao lado do O Dia-RJ (Diários da Liberdade).

Artigos Relacionados

0 comentários:

Postar um comentário

Queremos saber sua opinião, então, fique à vontade e comente.