quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Demissão ao vivo. Em Goiás, jornalista diz que emissora está sob censura

O jornalista Paulo Beringhs, apresentador da TV Brasil Central (TBC), pediu demissão ao vivo nesta quarta-feira (20/10) durante apresentação do telejornal da emissora. O jornalista alegou que o canal está "sob censura" e que preferira "manter a dignidade".

"Nós da TV Brasil Central estamos sendo censurados, estamos sob intervenção. Nosso jornalismo não passa a ter liberdade como a gente sempre teve", declarou Beringh. 

De acordo com o apresentador, a direção da emissora, que pertence a Agência Goiana de Comunicação, impediu que ele entrevistasse Marconi Perillo (PSDB), que disputa no segundo turno o governo do estado com Iris Rezende (PMDB). Beringhs disse que estava combinado, e registrado no Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE-GO), entrevistar os dois candidatos, mas Iris desistiu. Após a desistência, o apresentador disse que "recebeu ordens" para não levar Perillo ao programa. Ele disse que "o grupo de Iris Rezende tem tradição de censurar a imprensa".

"Certamente amanhã não estarei mais à frente deste programa", finaliza o apresentador.

Fonte: Comunique-se

Artigos Relacionados

0 comentários:

Postar um comentário

Queremos saber sua opinião, então, fique à vontade e comente.